Power Walking: 6 benefícios para o corpo, a mente e a alma

Prepare-se para ficar em forma e libertar a sua mente. O power walking é gratuito, fácil, exige pouco equipamento e é uma excelente forma de sair de casa e explorar a natureza ou o parque mais próximo de si. Se bem feito, o power walking é bom para a saúde cardiovascular e das articulações e para o bem-estar emocional. Só precisa de corrigir a sua técnica, caminhar mais rápido e durante mais tempo e vai notar a diferença imediatamente. Tantos benefícios para a saúde e a única coisa que tem de fazer é pôr um pé à frente do outro. Continue a ler para descobrir os vários benefícios, bem como dicas sobre como aumentar a potência do seu power walking.

 

Os benefícios do power walking

É como caminhar num dia de sol, a sério. Fazer exercício ajuda a manter os seus níveis de stress baixos - já sabemos - mas o benefício adicional do power walking é que é divertido! Também parece um pouco tonto, portanto as gargalhadas estão garantidas. Continue a ler para descobrir os outros benefícios que pode obter de acelerar o passo.

 

1. A adrenalina do power walking

Tal como a adrenalina de correr, o power walking liberta endorfinas, ajuda a evitar a ansiedade e os sentimentos de depressão e, além disso, estimula a autoestima.

 

2. Dê pernas à sua criatividade

Um estudo de Stanford, de 2014, revelou que “caminhar estimula a inspiração criativa. Examinaram os níveis de criatividade das pessoas enquanto caminhavam em comparação com os que quando estavam sentadas. O rendimento criativo de uma pessoa aumentava, em média, 60% quando estava a caminhar.” E o melhor de tudo é que não é o ambiente à sua volta que cria este efeito, mas o próprio ato de caminhar (ou de fazer exercício). Portanto, não desespere se não viver junto de uma paisagem idílica que poderia estar na capa da National Geographic.

 

3. Caminhar para perder peso

Mantenha o peso ou consiga até perder algum (se for esse o seu objetivo), em conjunto com a dieta adequada, claro, e melhore a sua forma e resistência. Manter o seu ritmo cardíaco alto com uma caminhada rápida também vai ajudar a fortalecer os seus músculos abdominais.

 

4. Caminhar melhora a flexibilidade

Os músculos e as articulações tornam-se mais flexíveis e o esforço para os joelhos é significativamente menor do que quando corre. Caminhar também pode aumentar a sua amplitude de movimentos e passar a pressão das suas articulações para os seus músculos.

 

5. Melhore a saúde cardiovascular

O ritmo cardíaco elevado de que falávamos também vai ajudar a melhorar a sua saúde cardiovascular.

 

6. É fácil

É fácil, não exige equipamento especial, experiência nem um nível de forma específico. É uma atividade adequada para qualquer idade e nível de aptidão.

 

 

Power walking: como se faz

Para maximizar os resultados e aproveitar ao máximo o seu power walking, aqui ficam as recomendações dos especialistas:

 

1. Faça aquecimento

Como acontece com qualquer exercício, aquecer é fundamental para evitar lesões e para alongar e soltar os músculos e o tecido conjuntivo. Experimente fazer alongamentos e caminhar devagar antes de acelerar.

 

2. Tenha atenção à postura

Ponha as costas direitas como se estivesse na passarela! Uma postura adequada é fundamental para o power walking; pode parecer um pouco tonto, mas não tem de se sentir envergonhado(a). Estique as costas, olhe em frente, ponha os ombros para trás, empurre o umbigo para dentro para estar em contacto com o seu core e aperte os glúteos.

 

3. Balance os braços e levante os joelhos

Para ter a certeza de que com cada movimento queima o maior número de calorias possível, balance os braços para a frente e para trás num ângulo de 90˚ para aumentar o seu ritmo cardíaco- E levante também os joelhos a cada passo para se certificar de que o seu corpo trabalha mais.

 

4. Atenção, preparado(a), JÁ

Mantenha o seu padrão natural ao andar e acelere o processo. Lembre-se de manter o core contraído para evitar que a parte superior do seu corpo faça muitas rotações, uma vez que gastaria demasiada energia. A cada passo, apoie o calcanhar e incline o pé para a frente em direção aos dedos.